Construção modular: saiba o que é, quanto custa e suas vantagens!

Construções feitas através de blocos de concretos são historicamente muito conhecidas, inclusive, vindas da época do Império Romano. Essa lógica de construção ainda é usada atualmente, porém, ela passou por atualizações para se tornar cada vez mais ágil, eficiente e flexível: tudo para ficar mais compatível com os tempos modernos.

Dessa forma, dentro da construção civil foram construídos diversos tipos de metodologias que são atualizadas ao longo do tempo. Podemos considerar que uma das atualizações do estilo tradicional de edificação é a construção modular – foco do conteúdo de hoje.

Esse método, muito utilizado em países europeus e nos Estados Unidos, vem ganhando mais visibilidade no Brasil desde 2019 – apesar de ter chegado no país por volta dos anos de 1980. Assim, através das “fatias” das construções, é possível finalizar uma obra trabalhosa de forma muito mais rápida.

Se você quer entender mais sobre o que é a construção modular, seus tipos, benefícios e aplicações mais comuns, continue lendo o artigo e aproveite as informações!

O que é construção modular?

A construção modular é uma metodologia aplicada dentro da construção civil. Essa metodologia consiste na pré-fabricação de “fatias” de uma construção inteira, que são transportadas para o local da obra para serem instaladas.

No terreno, essas “fatias” são unificadas e, com os acabamentos finais necessários, a obra fica pronta para uso em menos tempo do que se imagina.

As “fatias” da construção modular podem ser feitas com diversas matérias-primas desde que sejam mais leves e resistentes, para que não haja problemas durante o transporte – feito normalmente por caminhões. Dessa forma, materiais como vidro, concreto, madeira e aço são utilizados na pré-fabricação.

Por serem construções consideradas muito versáteis, é super comum que haja muita liberdade para que engenheiros e arquitetos moldem as obras da forma como quiserem e fizer sentido para o gosto do cliente.

E o que é construção offsite?

Quando você pesquisa pelo termo “construção modular” é muito comum que o termo “construção offsite” também seja encontrado ou relacionado à busca.

Os dois conceitos têm bastante semelhança entre si, já que o offsite também se refere a fabricação de estruturas que compõem uma edificação mas que é, necessariamente, feito fora do canteiro de obras.

A diferença está, então, na aplicação do termo, já que “construção modular” é o tipo de construção e “construção offsite” é o local onde a obra é feita.

Onde surgiu a construção modular?

A construção modular teve origem na Europa durante a época da Revolução Industrial, em meados do século XIX. O objetivo principal dessa metodologia era facilitar a produção e padronizar os estilos das moradias da época.

Dessa forma, as casas tinham uma medida-base que era usada sempre e os “módulos” unidos chegavam a um produto final de forma muito mais eficaz e através de uma linha de produção padrão.

Casas modulares de madeira pré-fabricadas no Brasil

No Brasil, a maioria das construções modulares se concentra no setor de grandes obras como galpões e fábricas. No entanto, algumas construtoras como a Minha Casa Pré-Fabricada oferecem alternativas semelhantes às construções modulares no mercado residencial. Veja os principais modelos e preços:

Casa de Madeira Modular Pré-Fabricada com 1 quarto

Modelo Pousada Pop 1.0

Modelo Pousada Pop 1.0

Casa de Madeira Modular Pré-Fabricada com 1 dormitório e 15 m².

R$11.174,29

saiba mais
Modelo Pousada

Modelo Pousada

Casa de Madeira Modular Pré-Fabricada com 1 dormitório e 19 m².

R$15.819,26

saiba mais
Modelo Pop 1.0

Modelo Pop 1.0

Casa de Madeira Modular Pré-Fabricada com 1 dormitório e 36 m².

R$17.789,71

saiba mais
Modelo Penha

Modelo Penha

Casa de Madeira Modular Pré-Fabricada com 1 dormitório e 22 m².

R$22.305,44

saiba mais
Modelo Pousada II

Modelo Pousada II

Casa de Madeira Modular Pré-Fabricada com 1 dormitório e 21 m².

R$18.390,53

saiba mais
Modelo Ilhota

Modelo Ilhota

Casa de Madeira Modular Pré-Fabricada com 1 dormitório e 27 m².

R$20.126,37

saiba mais
Modelo Pop 1.1

Modelo Pop 1.1

Casa de Madeira Modular Pré-Fabricada com 1 dormitório e 31 m².

R$18.519,85

saiba mais
Modelo Pousada III

Modelo Pousada III

Casa de Madeira Modular Pré-Fabricada com 1 dormitório e 21 m².

R$19.881,39

saiba mais
Modelo Canelinha

Modelo Canelinha

Casa de Madeira Modular Pré-Fabricada com 1 dormitório e 37 m².

R$25.605,50

saiba mais
Modelo Pousada IV

Modelo Pousada IV

Casa de Madeira Modular Pré-Fabricada com 1 dormitório e 44 m².

R$32.768,97

saiba mais

Casa de Madeira Modular Pré-Fabricada com 2 quartos

Modelo Tabuleiro

Modelo Tabuleiro

Casa de Madeira Modular Pré-Fabricada com 2 dormitórios e 30 m².

R$22.622,81

saiba mais
Modelo Pop 2.2

Modelo Pop 2.2

Casa de Madeira Modular Pré-Fabricada com 2 dormitórios e 52 m².

R$23.241,03

saiba mais
Modelo Pop 2.0

Modelo Pop 2.0

Casa de Madeira Modular Pré-Fabricada com 2 dormitórios e 60 m².

R$23.840,25

saiba mais
Modelo Blumenau

Modelo Blumenau

Casa de Madeira Modular Pré-Fabricada com 2 dormitórios e 42 m².

R$32.313,70

saiba mais
Modelo Barra Velha

Modelo Barra Velha

Casa de Madeira Modular Pré-Fabricada com 2 dormitórios e 48 m².

R$33.176,46

saiba mais
Modelo São José

Modelo São José

Casa de Madeira Modular Pré-Fabricada com 2 dormitórios e 63 m².

R$41.259,33

saiba mais
Modelo Cuiabá

Modelo Cuiabá

Casa de Madeira Modular Pré-Fabricada com 2 dormitórios e 48 m².

R$37.060,46

saiba mais
Modelo Cascavel

Modelo Cascavel

Casa de Madeira Modular Pré-Fabricada com 2 dormitórios e 88 m².

R$35.334,00

saiba mais
Modelo Palhoça

Modelo Palhoça

Casa de Madeira Modular Pré-Fabricada com 2 dormitórios e 44 m².

R$35.131,98

saiba mais
Modelo Tijucas

Modelo Tijucas

Casa de Madeira Modular Pré-Fabricada com 2 dormitórios e 61 m².

R$47.245,00

saiba mais
Modelo Balneário Piçarras

Modelo Balneário Piçarras

Casa de Madeira Modular Pré-Fabricada com 2 dormitórios e 66 m².

R$41.841,00

saiba mais
Modelo Itajaí

Modelo Itajaí

Casa de Madeira Modular Pré-Fabricada com 2 dormitórios e 78 m².

R$50.338,71

saiba mais

Casa de Madeira com 3 quartos

Modelo Pop 3.0

Modelo Pop 3.0

Casa de Madeira Modular Pré-Fabricada com 3 dormitórios e 77 m².

R$32.246,69

saiba mais
Modelo Pop 3.1

Modelo Pop 3.1

Casa de Madeira Modular Pré-Fabricada com 3 dormitórios e 88 m².

R$34.394,79

saiba mais
Modelo Pop 3.2

Modelo Pop 3.2

Casa de Madeira Modular Pré-Fabricada com 3 dormitórios e 110 m².

R$39.771,68

saiba mais
Modelo Floripa III

Modelo Floripa III

Casa de Madeira Modular Pré-Fabricada com 3 dormitórios e 97 m².

R$58.036,93

saiba mais
Modelo Gaspar

Modelo Gaspar

Casa de Madeira Modular Pré-Fabricada com 3 dormitórios e 84 m².

R$52.513,00

saiba mais
Modelo Paranapanema

Modelo Paranapanema

Casa de Madeira Modular Pré-Fabricada com 3 dormitórios e 115 m².

R$64.983,00

saiba mais
Modelo Camboriú

Modelo Camboriú

Casa de Madeira Modular Pré-Fabricada com 3 dormitórios e 111 m².

R$65.990,00

saiba mais

Casa de Madeira Modular Pré-Fabricada com 4 quartos ou mais

Modelo Pop 4.0

Modelo Pop 4.0

Casa de Madeira Modular Pré-Fabricada com 4 dormitórios e 83 m².

R$31.893,00

saiba mais
Modelo Navegantes

Modelo Navegantes

Casa de Madeira Modular Pré-Fabricada com 4 dormitórios e 111 m².

R$59.213,77

saiba mais
Modelo Tijucas II

Modelo Tijucas II

Casa de Madeira Modular Pré-Fabricada com 4 dormitórios e 107 m².

R$70.395,00

saiba mais
Modelo Curitiba

Modelo Curitiba

Casa de Madeira Modular Pré-Fabricada com 4 dormitórios e 165 m².

R$118.911,54

saiba mais
Modelo Minas Gerais

Modelo Minas Gerais

Casa de Madeira Modular Pré-Fabricada com 4 dormitórios e 254 m².

R$129.006,08

saiba mais
Modelo Mato Grosso

Modelo Mato Grosso

Casa de Madeira Modular Pré-Fabricada com 4 dormitórios e 224 m².

R$144.473,49

saiba mais

Tipos de construção modular


Imagem: Pinterest

No conteúdo sobre construção civil é possível reparar que essa área tem uma gama de variedades e tipificações de construções, o que não seria diferente com a construção modular.

Nesse caso, temos dois tipos: a construção modular permanente e a construção modular que pode ser desfeita, chamada de realocável. Acompanhe suas especificidades abaixo!

Construção modular permanente

Como o próprio nome já diz, esse tipo de construção modular é permanente e, por isso, os “módulos” são integrados em um local fixo, sem possibilidade de mudanças.

Construção modular realocável

No caso da construção modular realocável, às edificações são projetadas para serem usadas mais de uma vez e, inclusive, transportadas para outros lugares.

Mesmo com tipificações, ambas as variações de construção modular evitam o desperdício de materiais de construção e também são super flexíveis. A escolha entre uma e outra vai depender da aplicabilidade e objetivo da compra.

Quais os benefícios da construção modular?

Quais os benefícios da construção modular

Como é de se imaginar, a construção modular tem a grande vantagem de ser flexível e de qualidade, devido às suas opções de reutilização. Porém, os benefícios desse método de obra não acabam por aí.

Abaixo, listamos os principais e, em seguida, algumas desvantagens também: tudo para que você consiga refletir e pensar nos prós e contras antes de garantir a sua.

Agilidade e rapidez

A metodologia modular, que compõe as casas pré-fabricadas, tem a vantagem de ser aplicável de forma bem rápida. Segundo o MBI (Modular Building Institute), uma edificação modular pode ser entregue com mais de 30% de agilidade se comparado às construções tradicionais.

Isso acontece, justamente, devido ao momento “pré” que não depende de mudanças climáticas ou condições do terreno para ser realizado. Assim, os “módulos” da construção são feitos de forma independente, o que evita problemas de atraso na obra e gastos desnecessários.

Ótima qualidade

Devido a padronização dos processos da construção modular, é muito menos comum que erros aconteçam durante a fabricação. Além disso, esses padrões são bastante rigorosos e criteriosos para garantir o máximo de segurança para quem adquire um patrimônio como esse.

Sustentabilidade

Mais uma vez a questão da sustentabilidade aparece por aqui e, como citado em outros conteúdos, esse é um tema decisivo no momento de garantir ou não algum bem.

No caso das construções modulares, por serem feitas através de um sistema construtivo chamado de “green building“, os recursos são calculados e o desperdício de recursos para a obra é mínimo.

Além disso, com a possibilidade de serem transferidas para outro ambiente, a construção modular não precisa passar por um processo de demolição – e, posteriormente, construção de uma nova casa em outro lugar.

Um outro ponto é a tecnologia que é facilmente aplicada em casas modulares, dessa forma, painéis solares e sistema de captação de chuva são muito vistos nesse tipo de construção.

Versatilidade e fácil modificação

Vamos supor que você garantiu uma casa feita através da construção modular mas, depois de um tempo, gostaria de mudar a estrutura e a planta baixa do local. Numa construção de alvenaria, você não iria conseguir fazer isso sem derrubar algumas paredes, certo? Esse não é o caso de uma casa pré-fabricada.

No caso da construção modular, as casas podem ser modificadas de forma muito mais fácil que as casas de construção tradicional. Devido a isso, o profissional da arquitetura acaba tendo muito mais liberdade para criar projetos e aplicá-los.

Economia

Economia
Imagem: Pinterest.

Com mais rapidez no processo de construção e com uma fabricação que não depende de fatores externos e climáticos, por exemplo, é de se imaginar que uma das vantagens das casas modulares é a economia também.

Isso acontece devido a padronização dos processos e do gasto realizado apenas com o material necessário, sem desperdícios ou necessidade de aumentar o estoque. Um outro ponto que também torna essa construção mais econômica é a facilidade na montagem.

Desvantagens de uma construção modular

Em relação às desvantagens de uma construção modular, podemos considerar:

  • Peças padrão: o que traz diversas vantagens a construção modular, acaba também sendo uma das desvantagens. Devido às peças serem padronizadas de forma quadrada, se você preferir um espaço baseado em uma arquitetura mais arredondada ou curva, essa opção pode não ser tão boa para você.
  • Baixa popularidade: as construções modulares ainda não são muito populares no Brasil e, devido a isso, são vistas de forma menos frequentes do que construção em alvenaria, por exemplo.

Não é possível dizer que o custo de uma casa feita através da construção modular é uma vantagem ou desvantagem, já que no Brasil ainda são bastante equiparados – o que tende a melhorar com o tempo.

Etapas da construção modular

O processo de construção de uma casa pré-fabricada é bastante diferente do que a tradicional, começando pelas matérias-primas utilizadas.

Acompanhe abaixo alguns detalhes do processo construtivo!

Paredes e revestimentos internos e externos

Paredes e revestimentos internos e externos

Nas paredes de uma construção modular é aplicado uma base que impermeabiliza, veda e garante a ventilação do ambiente. Dessa forma, a umidade interna é dissipada e a umidade externa não entra na casa.

No que diz respeito aos revestimentos internos, normalmente são feitos através de placas de gesso e placas cimentícias (feitas da junção de cimento com celulosa). Já no caso de revestimentos externos, é mais comum o uso de placas cimentícias, OSB (Oriented Strand Board ou tiras de madeira) impermeável, tela de fibra de vidro, EPS (poliestireno) e argamassa do tipo colante.

No caso de pisos para a parte interna da casa, é possível fazer uso de carpetes, pisos laminados, de madeira, pisos vinílicos, assoalhos e tábuas – que podem ser reforçadas com fibra de aço ou de EPS. 

Telha, telhado e coberturas

No caso das telhas e coberturas de construções modulares, é possível fazer o uso dos mesmos materiais utilizados para as paredes, com acréscimo de uma cobertura metálica, por exemplo.

São essas coberturas que vão gerar uma maior resistência para as mudanças climáticas e tornam o espaço muito mais confortável em questão de temperatura e também melhora a parte acústica.

Se necessário, você também pode utilizar um painel feito de OSB juntamente com alumínio – que reflete quase 100% da radiação solar e melhora bastante o conforto interno da casa.

Instalações, rede de água e esgoto

No caso das instalações elétricas e hidráulicas, não há muita diferença em relação à construção de alvenaria. O que podemos destacar, no entanto, é a facilidade das instalações devido ao espaço interno encontrado nas paredes ou no forro das casas modulares.

Construção modular e a construção tradicional

A construção modular pode ter várias vantagens em relação à construção tradicional mais vista aqui no Brasil (a de alvenaria), no entanto, tudo é uma questão de ponto vista.

O fato de uma casa não ser feita de tijolos e cimento pode gerar em algumas pessoas uma sensação de “menor resistência” – o que não é comprovado cientificamente, mas acaba sendo uma questão decisiva no momento de adquirir um imóvel como esse.

As construções tradicionais costumam demorar um tempo maior para serem construídas, enquanto as modulares não passam de 60 dias – o que também pode variar a depender do projeto. No entanto, dependendo do tamanho da equipe de construção, uma casa de alvenaria também pode ser feita nesse mesmo tempo.

Outro ponto a se pensar é a reutilização do imóvel, que é impossibilitada em construções do tipo tradicional. Assim, ao invés de vender a casa que está em um determinado terreno, você pode transportar a construção de lugar e vender o espaço, por exemplo.

No caso das construções modulares, além de serem mais sustentáveis, elas andam de encontro com o paisagismo e com o conceito de boa vizinhança. Nesse caso, as vegetações do terreno podem ser preservadas e também há menos dores de cabeça com vizinhos devido a ausência de um canteiro de obra ou de barulhos de construção todos os dias.

Aplicação da construção modular

Aplicação da construção modular
Imagem: Pinterest.

Agora que você já sabe o que é, os tipos, as vantagens e desvantagens, é o momento de falarmos sobre a aplicação da metodologia de pré-fabricação. Ou seja, quais tipos de edificações podem ser feitas através da construção modular?

A resposta é que várias obras podem ser feitas dessa forma. Vamos a alguns exemplos:

  • Lojas e estabelecimentos comerciais;
  • Escritórios;
  • Escolas;
  • Residenciais;
  • Casas de madeira;
  • Containers;
  • Wood frame;
  • Galpões;
  • Indústria;
  • E muitos outros!

A construção modular no Brasil

A metodologia de construção modular acaba passando por diversos empecilhos aqui no Brasil o que dificulta a sua popularização. Algumas dessas dificuldades são:

  • Modelo de construções já bem consolidados, o que dificulta o aumento de interesse em relação ao mercado;
  • Custos com impostos relacionados a construção de casas pré-fabricadas;
  • A logística e infraestruturas das cidades do Brasil acabam dificultando a implantação desse tipo de construção;
  • Dificuldade em mão de obra e matéria prima;
  • Etc.

Para melhorar esse cenário, 3 fatores precisam ser enfrentados e superados: a preferência pelas construções feitas de alvenaria, a cultura e a baixa verticalização.

Apesar disso, as construções modulares começaram a ganhar mais espaço em solo brasileiro nos últimos 3 anos e espera-se que essa realidade apenas aumente e seja democratizada.

Esperamos que esse artigo sobre construção modular tenha sido útil para você, aproveite o tempo e leia também sobre a bioarquitetura!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.