Revestimento amadeirado: parede, banheiro +26 ideias para seu projeto

Se você está construindo ou reformando sua casa, é bem provável que já tenha se deparado com diversas dúvidas sobre revestimentos e qual deles usar para compor os ambientes, certo?

Hoje em dia, com a ascensão da arquitetura e do designer de interiores, são muitas as opções de revestimentos no mercado e a escolha entre eles depende do cômodo, da matéria-prima e, inclusive, do estilo de decoração que faz mais sentido para o proprietário.

Nesse artigo, vamos focar em um tipo específico: o revestimento amadeirado. Esse tipo pode ter diversos benefícios a depender do material e da disposição de cada um deles nos cômodos.

Projetos de Casas
Projetos de Casas

Se quiser entender melhor sobre o revestimento amadeirado e ter ideias para o seu projeto, é só continuar lendo o artigo. Boa leitura!

Por que os revestimentos são fundamentais em uma obra?

A etapa do revestimento é uma das últimas e mais importantes em uma construção, já que é o momento de fazer o acabamento e se preparar para a finalização e pequenos ajustes na obra como um todo.

O revestimento é uma camada externa usada para cobrir a alvenaria – ou seja, os tijolos e concreto da construção. Essa camada pode ser feita de azulejo, porcelanato, pastilhas pequenas, cerâmicas ou, até mesmo, de tinta. 

Além de uma função puramente estética voltada para a decoração do ambiente, os revestimentos podem proteger as paredes e evitar danos que acontecem ao longo do tempo. O ideal é que cada ambiente tenha um revestimento pensado racionalmente e que a aplicação seja feita da forma mais adequada possível.

Quais os tipos de revestimento disponíveis?

Quais os tipos de revestimento disponíveis_

O que poucas pessoas sabem é que existem modelos de revestimentos que também podem ser aplicados no chão e, por isso, às vezes podem ser confundidos com os pisos.

Entre os tipos de revestimento mais conhecidos, temos:

  • Azulejo: peças de cerâmica com superfície lisa devido a camada de esmalte, que pode ser estampado ou não.
  • Porcelanato: também considerado uma placa de cerâmica, o porcelanato é fabricado através da prensagem e, por isso, acaba sendo muito resistente e tem pouca porosidade.
  • Pedras: pedras usadas para decoração que podem ser trabalhadas tanto em ambiente interno quanto externo.
  • Pastilhas: pequenas placas de cerâmica com um amplo uso de cores.
  • Laminados: esse tipo de revestimento imita a madeira e pode ser considerado como um revestimento amadeirado. É feito de materiais derivados de madeira, como HDF.
  • Vinílicos: também é um tipo de revestimento que pode imitar a madeira, a diferença entre ele e o laminado está no material de fabricação. O revestimento vinílico pode ser feito de PVC ou cloreto de vinila.

Exemplos de revestimento amadeirado

Com diversos tipos e diferentes aplicações nos cômodos de uma obra, o revestimento amadeirado é encontrado em várias combinações.

Acompanhe abaixo as aplicações do revestimento amadeirado em cômodos como fachada, banheiros, áreas externas e muitos outros. Vamos lá?

Revestimento amadeirado em fachada

Normalmente, para um revestimento amadeirado ser aplicado na fachada ele precisa ter boa tolerância a umidade e ótima resistência à exposição solar.

Um exemplo de revestimento amadeirado ótimo para fachadas é o de madeira maciça. Esse tipo de matéria prima resiste bem ao tempo e precisa apenas de uma camada de proteção para não estufar com o “molha e seca” devido a chuva e sol.

Outro exemplo de revestimento amadeirado super resistente para fachadas é o porcelanato que imita madeira, tendo muito mais resistência e menos porosidade que outros tipos de acabamento.

Revestimento amadeirado em fachada
Imagem: Pinterest.

Revestimento amadeirado na cozinha

No caso das cozinhas, o revestimento amadeirado precisa ser fácil de limpar e, por isso, o ideal é que não tenha textura – sendo o porcelanato e a cerâmica duas ótimas opções. Em relação às cores, é interessante que combinem com os armários para evitar muita informação na decoração desse cômodo.

O revestimento amadeirado puxado para um tom mais claro, inclusive, pode ser ótimo para cozinhas menores. A tonalidade mais clara colabora com a amplitude do ambiente e também com a iluminação.

Revestimento amadeirado em cozinha
Imagem: Pinterest.

Revestimento amadeirado em quartos

Já o revestimento amadeirado para os quartos pode ter textura e, inclusive, são super bem vindas para deixar a decoração desse ambiente ainda mais bonita.

No caso de quartos pequenos, a tonalidade do acabamento pode seguir a mesma lógica que indicada acima: tons mais claros provocam maior amplitude e impressão de que o espaço é um pouco maior do que na verdade é.

Revestimento amadeirado em quartos
Imagem: Pinterest.

Revestimento amadeirado em salas de estar

O revestimento amadeirado na sala de estar é ótimo para dar mais aconchego e elegância para esse cômodo que é tão importante na casa. Aqui, acabamentos com textura também são super bem-vindos, porém, o ideal é que também seja um material de fácil limpeza – justamente pela sala de estar ser um cômodo com bastante movimentação de pessoas.

No caso de revestimento amadeirado mais ideal, invista no porcelanato, laminado, vinílico e, inclusive, a cerâmica. Qualquer um deles vão ser ótimas opções para esse ambiente.

Revestimento amadeirado em salas de estar
Imagem: Pinterest.

Revestimento amadeirado em banheiros

A textura do revestimento amadeirado em banheiros é uma grande dúvida que diversas pessoas têm. A nossa dica é evitar acabamentos em 3D e usar papéis de parede que imitam madeira, por exemplo, o que facilita bastante a limpeza do cômodo.

Um outro ponto importante é em relação a umidade. Se você for optar por esse tipo de revestimento em seu banheiro, procure aqueles materiais com boa resistência à exposição na água. Além disso, dentro do box é possível usar outro tipo de revestimento amadeirado para contrastar com o que estiver na parte externa.

Veja alguns exemplos!

Revestimento amadeirado em banheiros
Imagem: Pinterest.

Revestimento amadeirado em áreas externas

Para áreas externas ou até revestimento amadeirado para a sua churrasqueira, o ideal é usar um tipo bastante resistente, como o porcelanato. Além disso, utilizar  a própria madeira ou o revestimento vinílico são outras duas opções muito apontadas por designers e arquitetos.

As áreas externas, além disso, também são propícias a ter maior contato com a sujeira, mudanças climáticas e gordura – principalmente se for uma área de churrasco, então, opte por revestimento amadeirado que não tenha textura ou que seja em 3D.

Revestimento amadeirado em áreas externas
Imagem: Pinterest.

Revestimento amadeirado em áreas gourmet

O revestimento amadeirado para áreas gourmet segue a mesma lógica que os utilizados para áreas externas, a diferença é que não necessariamente esses espaços estão do lado de fora da casa. Sendo assim, utilizar um papel de parede que imita madeira, por exemplo, também pode ser uma opção.

Revestimento amadeirado em áreas gourmet
Imagem: Pinterest.

Revestimento amadeirado na sua construção

Falando em revestimento amadeirado, como no caso dos vinílicos e dos laminados, é importante compreender quais os cuidados devem ser tomados na escolha de um deles para sua obra.

Além disso, algumas vantagens são evidentes ao se escolher um revestimento amadeirado e é sobre isso que vamos focar agora. Acompanhe! 

Dicas e cuidados com revestimento amadeirado

Revestimento amadeirado é quase como um piso de madeira, a diferença está no quão são “usados” no dia a dia e no local de sua aplicação.

No entanto, os cuidados são bastante parecidos e envolvem sempre uma limpeza delicada.

Evite produtos de limpeza: os revestimentos amadeirados não precisam de produtos de limpeza específicos, principalmente, aqueles que contém álcool, água sanitária ou algum tipo de removedor de manchas. Para limpar seu revestimento amadeirado, use apenas sabão neutro e pano úmido.

Cuidado com a umidade: normalmente, madeiras usadas para a área de revestimento interno não costumam ser próprias para suportar muita umidade. Nesse sentido, quanto mais contato com água, maior a possibilidade de criação de fungos ou mofo.

Quando for limpar, não jogue água diretamente no revestimento amadeirado, opte por umedecer um pano, por exemplo.

Opacidade: caso o seu revestimento amadeirado fique opaco – o que pode ser bastante comum – é possível utilizar cera ou óleo de peroba para deixá-los mais brilhantes, porém, use apenas uma camada bem fina para evitar problemas. Esse tipo de aplicação, inclusive, não é necessária em revestimentos laminados.

Para evitar opacidade, siga à risca as regras para a limpeza e evite produtos muito pesados.

Vantagens do revestimento amadeirado

O revestimento amadeirado é muito utilizado para trazer conforto ao ambiente e, além disso, podem ser encontrados por preços bastante acessíveis.

Diversos acabamentos podem ser uma alternativa à madeira natural, como cerâmicas, laminados e vinílicos que imitam a tonalidade e textura. No entanto, mesmo sendo uma representação dessa matéria prima, ainda sim são lindos e elegantes.

Confira abaixo algumas das diversas vantagens do revestimento amadeirado!

Clima rústico e contemporâneo

O revestimento amadeirado, por ter bastante relação com a decoração rústica, regional natural e até industrial, pode trazer um ar bastante elegante, confortável e contemporâneo aos ambientes.

Além disso, o uso desse revestimento em ambientes mais neutros pode ser chave, já que ele combina muito bem com outros tipos de acabamento ou em tons de paredes que sejam mais claras.

O revestimento amadeirado, inclusive, é uma ótima opção para os mais indecisos – sendo um dos tipos de revestimentos mais vendidos em diversos e-commerces.

Possibilidade de trabalhar com texturas e estampas

O revestimento amadeirado, por ser mais neutro e combinar com diversos tipos de cores, também podem ser muito bem trabalhados com texturas e estampas diferenciadas. 

Para evitar muita confusão de informações ao fazer essa mistura, é importante apostar em tons neutros e optar por móveis ou objetos de decoração que sejam lisos – isso cria uma maior harmonia no ambiente.

Em relação às estampas, se você trabalhar com um papel de parede floral com tons parecidos com o seu revestimento de madeira, por exemplo, sua decoração pode ficar muito charmosa.

Custo x benefício

Normalmente, o revestimento amadeirado do time laminado tem uma fácil instalação e um ótimo custo benefício – inclusive, esse tipo de revestimento está entre um dos que mais são em conta.

Além disso, o revestimento amadeirado laminado dispensa aplicação de outros acabamentos antes dele e seu valor pode variar bastante, de acordo com as necessidades da construção. Por exemplo, um piso laminado de 120 cm por 21,5 cm e 6,5mm de largura pode custar em torno de R$ 150.

Outro ponto está relacionado a tecnologia de instalação. Normalmente, pisos ou revestimentos laminados são colocados de forma simples, com poucos riscos de quebra ou danos nas peças.

Facilidade para encontrar no mercado

Devido ao seu ótimo custo benefício, o revestimento amadeirado laminado também é facilmente encontrado no mercado, com diversas variações de tonalidade.

Além disso, por também ser muito usado pelas pessoas que estão indecisas em relação ao revestimento que será trabalhado em partes da obra, esse tipo de acabamento tem bastante demanda.

Desvantagens do revestimento amadeirado

Dado os benefícios e as diversas vantagens que o revestimento amadeirado traz para as pessoas que decidem utilizá-lo, também temos algumas desvantagens que devem ser mencionadas para a melhor escolha do seu acabamento.

Preço elevado a depender do material

Em alguns casos em que você utiliza um revestimento de madeira, o investimento pode ficar um pouco mais alto, principalmente, quando se diz respeito a aplicação. Colocar a madeira nos cômodos para fazer um revestimento amadeirado pode ser mais trabalhoso e, por isso, o preço é mais alto.

Exigência de uma boa manutenção

Ao comentarmos sobre os cuidados na limpeza do seu revestimento amadeirado, você provavelmente pensou na questão da manutenção desse tipo de acabamento, certo? E sim! A manutenção é uma questão que pode ser considerada como “desvantagem”.

Isso porque existem processos específicos para manter um revestimento amadeirado brilhante, por exemplo. Assim, normalmente, é necessário contratar uma empresa especializada para fazer o polimento das peças desse acabamento.

Esperamos que esse artigo sobre revestimento amadeirado tenha sido muito útil para você! Qualquer dúvida, deixe nos comentários. Aproveite e leia também sobre parede de pallet.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *