chalé de madeira principal

Chalé de madeira: barato para fazer você mesmo ou com kits prontos

construa seu próprio chalé de madeira
.

Para nós, chalés de madeira baratos e pequenos (mini-chalés) são fascinantes. Capazes de acomodar todas as necessidades em um pequeno mas aconchegante espaço, esse tipo de chalé de madeira traz diversas soluções criativas para o dia-a-dia, especialmente quando se trata de espaço para guardar as coisas.

Quem é que não ama ficar rolando as páginas do Pinterest por horas seguidas buscando inspiração em chalés pequenos e elegantes que encontramos por lá?

O YouTube também tem sido uma grande fonte de conhecimento sobre a construção desses chalés em si. Atualmente, o conhecimento sobre chalés de madeira, seja para desfrutar aos finais de semana ou até mesmo viver, é bastante amplo e disponível. No entanto, conseguir todas as informações em um lugar só pode se tornar um grande quebra-cabeças.

Neste artigo, destrinchamos todas as facetas dos chalés de madeira, desde sua história e concepção até as maneiras de se construir um chalé de madeira barato com as próprias mãos ou através de chalés pré-fabricados. Vamos nessa?

Chalés de madeira baratos para todo mundo

Hoje, além de existirem modelos de chalé de madeira econômicos de diversos estilos (chalé rústico, chalé simples, chalé pequeno, chalé moderno, chalé duplex, chalé container, chalé de luxo, chalé com varanda e até mini chalé), também existem opções em conta tanto para pessoas que gostam de colocar a mão na massa e construir quanto para quem não gosta ou ainda não tem as habilidades necessárias para um projeto assim.

Pensando nisso, separamos neste post duas opções que geralmente não se encontra por aí quando buscamos por chalés de madeira baratos: a opção de fazer você mesmo ou de comprar um kit de chalé pronto.

Selecione abaixo qual dos caminhos você gostaria de seguir para ter o seu chalé de madeira barato e vá direto à informação que você precisa. Quer conhecer as duas opções? Sem problemas, boa leitura!

Comprando um chalé de madeira pré-fabricado

A opção mais simples para conseguir um chalé de madeira que seja barato e que não dê muito trabalho no processo é comprar um kit com um chalé de madeira pré-fabricado. Essa opção é especialmente interessante para quem não tem as ferramentas, o tempo ou as habilidades necessárias para construir um chalé do zero.

Pode parecer bobagem, mas o custo ferramental e a falta de conhecimento e até um espaço adequado para utilizá-los podem ser um fator decisivo na hora de escolher o tipo de chalé de madeira. Portanto, se você se encaixa nesse perfil, um chalé de madeira barato em forma de kit é o melhor caminho a seguir.

Entendendo suas necessidades

O primeiro passo para quem optar pelos chalés de madeira pré-fabricados é entender as suas necessidades. Qual é seu objetivo com o chalé? Morar ou passar os finais de semana? Vai precisar de água encanada ou uma construção off grid é a melhor opção?

Responder a esses tipos de perguntar irá te ajudar a entender qual tamanho e complexidade de chalé você mais precisa. Quanto maior, mais comodidades e – consequentemente – complexidades esse chalé tiver, maior o seu preço.

Por isso, analise sua pretensão de uso do chalé e também avalie melhor o que significa um chalé de madeira barato para você. Existem literalmente chalés de madeira que custarão apenas alguns milhares de reais e outros que chegam a dezenas e até centenas. Então pense bem nessa questão.

Escolhendo um kit de chalé ideal

Já conhece bem suas necessidades? Então ótimo, é hora de escolher o kit de chalé de madeira ideal para seus objetivos. Por sorte, hoje existe no Brasil uma fabrica que fornece kits de chalé de madeira baratos e também outros diversos tipos de construção para todo o país.

O procedimento é simples: basta escolher o modelo e a metragem desejada, selecionar a forma de pagamento e o frete e pronto! Depois é só aguardar o recebimento dos kits para começar a transformar seu sonho em realidade.

O kit de chalé de madeira mais barato

Atualmente, o chalé de madeira pré-fabricado mais barato disponível é o Pousada Pop 1.0 de 15m² por apenas R$6.000,00!

Atenção: os chalés pré-fabricados apresentados aqui são da construtora Minha Casa Pré-Fabricada. O Chalé de Madeira não fabrica chalés, apenas produz conteúdos e materiais instrutivos. Todos os links para a construtora estão acima ou sempre quando um kit de chalé pré-fabricado é mencionado no artigo.

Como o próprio nome do kit já diz, esse chalé foi pensado para pequenos hotéis e pousadas que querem dar a opção a seus hóspedes de ficarem em um lugar aconchegante e próximo à natureza. No entanto, ele também pode ser uma excelente opção para um chalé de madeira barato.

Também existem outras opções de chalés de madeira pré-fabricados baratos no site, além de uma seção inteiramente dedicada aos kits de chalés e casas de madeira em promoção. Vale a pena dar uma conferida. Agora veja mais detalhes sobre o kit de chalé de madeira barato:

Esse chalé de madeira barato conta com banheiro e suas dimensões de 3m x 5m o tornam uma opção relativamente espaçosa em se tratando de chalés econômicos. Veja a galeria com mais fotos desse chalé de madeira:

Imagens: Minha Casa PréFabricada.

Montar ou pagar pela montagem do chalé?

Outro dilema que você pode encontrar pelo caminho é: fazer a montagem você mesmo ou pagar pela montagem? Mais uma vez, pense se você tem o ferramental e o tempo disponível (além dos recursos, é claro).

A montagem desses kits é bastante simples pois eles são construídos sob o sistema de encaixe e você recebe um manual de montagem bastante detalhado do projeto. No entanto, em alguns momentos é preciso sim fazer trabalhos mais complexos que simplesmente o encaixe.

Se você tiver os recursos para pagar um montador e quer ganhar tempo, talvez pagar pela montagem seja interessante para você. Agora, se você quer se envolver pelo menos um pouco na construção do seu chalé dos sonhos, faça a montagem você mesmo e vá aprendendo aos poucos.

Acabamento do chalé de madeira pré-fabricado

O acabamento no chalé de madeira pré-fabricado fica a seu gosto. Como o kit é construído sob o sistema de encaixes, as madeiras já possuem um padrão bonito e semi-acabado, ficando a seu cargo fazer as camadas de proteção e acabamento como o verniz e a pintura.

Também é possível ir além e fazer uma cobertura adicional com materiais ou madeiras diferentes a seu gosto, além de pode instalar drywall no interior do chalé para deixá-lo com acabamento mais moderno.

Construindo um chalé de madeira barato

Se você chegou até aqui é porque gosta de encarar projetos e construir as coisas com as próprias mãos, não é mesmo? Bom, além da vantagem inerente de economizar cerca de 60% do valor do chalé de madeira com mão de obra, também é uma excelente oportunidade de se envolver com o projeto e desenvolver novas habilidades e conhecimentos.

Escolhendo o projeto perfeito para o DIY

Confira nosso material com passo-a-passo completo para construir seu próprio chalé de madeira com uma porta lateral incrível. O material tem fotos, planos de corte e todas as instruções necessárias para você construir um chalé como o das fotos acima.

Abaixo, vamos te mostrar passo-a-passo como você pode construir um chalé de madeira barato para aproveitar como quiser, seja como moradia, lazer ou apenas mais um projeto DIY para os finais de semana. Vamos começar?

Ferramentas essenciais

O primeiro de tudo é reunir todas as ferramentas necessárias para executar o projeto. Você tem tudo o que é preciso para construir seu chalé de madeira? Veja a seguir a lista de ferramentas recomendadas:

Obviamente, se você não tem todos os equipamentos necessários e também não quer/pode gastar um pouco mais para comprá-los, isso não impede de seguir com o projeto. Tenha em mente apenas que sem essas ferramentas pode ser difícil realizar algumas ações como cortar os ângulos perfeitos e também fazer cortes precisos nos locais onde os encaixes são importantes.

Fundação do chalé

A fundação do chalé de madeira vai depender sempre do tamanho do chalé que você irá construir, do tipo do terreno e de sua localização.

O ideal é sempre escolher um terreno plano. Porém, quando isso não for possível, você pode construir a fundação de maneira a compensar a inclinação ou as irregularidades do terreno. Como estamos tratando da construção de um chalé de madeira barato e pequeno, abaixo temos duas sugestões de fundações leves:

Fundação com blocos de cimento

Imagens: Pinterest.

A fundação com blocos de cimento é tão simples quanto parece: basta utilizar blocos de concreto para utilizar de apoios contra o solo onde o chalé de madeira será montado por cima.

Para utilizar esse tipo de fundação, o chalé precisará ser construído em um terreno completamente plano e o chalé precisa ser leve e, portanto, não pode ser muito grande. A recomendação para esse tipo de fundação é que não passe de 3m x 3m.

Você pode preencher os blocos com areia compactada ou concreto para dar-lhes mais resistência e também uma aparência melhor. A quantidade de blocos vai depender do número de pontos de contato, recomendando-se apoiar todas as junções e vigas estruturais sobre esses blocos.

Fundação com mourões

Em terrenos mais acidentados, utilizar mourões para fazer a fundação pode ser uma boa saída. Além de prover uma boa altura em relação ao solo, os mourões de eucalipto por exemplo têm um bom custo benefício para esse tipo de projeto.

É preciso cavar os locais onde os mourões ficarão enterrados. Tente mantê-los pelo menos 50 cm enterrados no solo e não exceda os 70 cm acima do solo. Utilize mourões de pelo menos 14 cm de diâmetro. Quanto mais fino o mourão, maior quantidade será necessária para a fundação.

Quando houver irregularidades no solo, basta cortar os mourões na altura necessária para manter o nível entre eles na ponta superior. Dessa forma, basta montar o contrapiso de madeira em cima deles que você terá um chalé nivelado e longe do solo com segurança.

Contrapiso de madeira

Construir o contrapiso de madeira é bastante simples. Você precisará das vigas de madeira para fazer o entorno do contrapiso e também os travamentos internos. Vigas que podem ser utilizadas facilmente são as de 5 cm x 11 cm que oferecem boa resistência e bom preço, além de serem encontradas facilmente em qualquer madeireira.

Para as travas internas, utilize as mesmas vigas para manter uma altura regular entre o quadro externo e as vigas internas. Mantenha uma distância recomendada no projeto entre as vigas internas para garantir maior resistência ao peso suportado pelo contrapiso.

Para a cobertura, você pode utilizar tábuas, madeirites ou compensado naval. Todos desempenharam bem a função, respeitando suas limitações.

Escolhendo as vigas do chalé

Escolher as vigas do chalé de madeira vai depender muito do projeto adotado. Se você optou pelo nosso projeto, então poderá seguir com as vigas 5 cm x 11 cm para manter a regularidade e a economia no projeto – afinal, esse ainda precisa ser um chalé de madeira barato.

A madeira pode ser a sua escolha, mas tenha em mente que madeiras de lei têm um custo muito mais alto e podem ser um pouco excessivas para um chalé dessa magnitude. Opções baratas e bastante fáceis de encontrar são a Saligna e Pinus, ambas fáceis de trabalhar e com um custo x benefício interessante.

Tenha em mente também que vigas provindas de eucalipto têm a tendência de rachar, portanto evite pregos e sempre que possível faça furos-guia durante a montagem e parafusagem da estrutura e do acabamento.

Travando a estrutura

A travagem da estrutura pode ser feita de diversas maneiras e é interessante pensar nela já antecipando o tipo de acabamento que você deseja no chalé de madeira. Isso acontece porque algumas opções de travamento requerem etapas de acabamento adicionais enquanto outras podem ser simplesmente o verniz ou a tinta. Veja as opções:

Forro de Pinus (opção econômica 1)

O forro de pinus é uma excelente opção pois é fácil de montar (vem com encaixes macho/fêmea), barata e dá um acabamento incrível, especialmente no interior.

O único porém do forro de pinus (ou dos forros de madeira em geral) é que eles não costumam ser muito resistentes à água sem receber pintura ou tratamento. Recomenda-se também utilizar outras camadas após o forro como as madeirites e os compensados para aumentar a durabilidade.

Madeirite (opção econômica 2)

A madeirite é com certeza a opção mais econômica: uma chapa de madeirite será capaz de cobrir e travar pelo menos metade do chalé de madeira pequeno com toda a certeza. Por não precisar ser tão espesso nessa etapa da estrutura como no contrapiso, ele também acaba ficando mais barato.

Recomenta-se a utilização de madeirites de 10 mm pelo menos. Se for utilizar chapas menos espessas, considere utilizar um travamento horizontal adicional com ripas.

A desvantagem mais óbvia da madeirite é a necessidade de um maior acabamento, já que sua superfície não é lisa e também tem cores extravagantes devido aos tratamentos que recebe. Ela também tem uma durabilidade menor que as opções seguintes.

Compensado naval (custo x benefício)

O compensado naval é um pouco mais caro que a madeirite, mas também traz inúmeras vantagens quando comparado.

Além de ser mais resistente, o compensado naval também tem um acabamento infinitamente melhor e pode inclusive ser deixado na sua textura e cor natural tratando apenas com seladora ou verniz.

A recomendação também é a mesma do madeirite: para aplicações mais finas que 10 mm considere fazer um travamento horizontal adicional com ripas.

Algumas desvantagens do compensado naval são o custo e a disponibilidade em algumas regiões, além das opções de compensado naval tratado terem um acabamento tão ruim quanto as madeirites devido ao tratamento químico que recebem para aguentar a exposição aos elementos.

Tábuas de pinus tratado (mais pesada)

As tábuas de pinus tratado são o travamento que irão requerer menos acabamentos adicionais, além de serem muito resistentes e darem aquele look clássico de chalé de madeira com tábuas sobrepostas na estrutura.

As desvantagens ficam obviamente com o custo e o tempo de montagem, que aumenta significativamente devido à quantidade de tábuas necessárias para travar e preencher a estrutura. Também podem requerer uma proteção adicional entre elas e o telhado, o que eleva o custo e a complexidade um pouco mais.

Construção do telhado

A construção do telhado no chalé de madeira é bastante simples já que a própria estrutura principal pode ser utilizada para a sua montagem. O segredo aqui é escolher telhas que aliam uma grande cobertura com peso reduzido e alta resistência.

Dê preferência para as telhas ecológicas ou de zinco, que cobrem grandes áreas com peso baixo e grande resistência. O custo delas é um pouco mais alto, mas vale o investimento. Se o orçamento for muito apertado, ainda existe a opção das telhas de fibrocimento que aumentarão o peso consideravelmente sobre a estrutura, mas não devem causar problemas. Seu custo é muito menor.

Também é possível utilizar telhas de policarbonato em partes do telhado para trazer mais luminosidade para dentro do chalé de madeira, como nos modelos da foto.

Evite a qualquer custo utilizar telhas de alvenaria. Elas são pesadas e o ângulo do chalé não favorece sua aplicação, dificultando sua montagem e manutenção, além de facilitar a formação de vazamentos.

Recomenda-se também a utilização de ripas horizontais (mesmo que não sejam para reforço) para garantir um fluxo de ar entre as camadas da estrutura e telhado e manter o chalé fresquinho no verão.

Acabamento do chalé

O acabamento do chalé fica a seu gosto e muitas das suas escolhas estruturais irão impactar nessa etapa. O tratamento com pintura ou verniz naval pode ser o suficiente para a maioria das aplicações, porém também é possível utilizar telhas de metal na vertical para dar um acabamento moderno e adicionar uma nova camada de proteção.

Chalé verde: construído pelo blog Alla Ponomareva Photography / Chalé preto: construído por nós, do Chalé de Madeira (veja o tutorial).

A história do chalé de madeira

Apesar do seu estilo inconfundível e tão desejado, os chalés de madeira ganharam vida não porque iria impressionar através de sua arquitetura, mas porque era prático.

Esse tipo de construção foi bastante utilizada antes mesmo dos anos 1930 na Europa, China e na maioria das ilhas do Pacifico Sul. À época, os chalés de madeira era mais conhecidos simplesmente como “cabanas de telhado”. O chalé, até então, era tido mais como um abrigo eficiente e fácil de construir do que uma morada completa e com todas as amenidades que estamos acostumados hoje em dia.

Os chalés pré 1930 eram feitos completamente de madeira (inclusive o telhado) e pedras. Era comum utilizar terra, feno ou qualquer tipo de capim seco no telhado para melhorar a proteção térmica do chalé sobre as tábuas de madeira que formavam a parte inferior do telhado.

A popularização do chalé de madeira

Os chalés de madeira como conhecemos hoje só começaram a serem popularizados mesmo no pós-guerra com o trabalho de alguns arquitetos norte-americanos.

Apesar de os chalés já serem algo populares na Europa (vai dizer que você nunca ouviu alguém falar sobre o chalé suíço?), lá eles ainda eram a opção para quem buscava mais praticidade ou seguia as tradições de construção de determinadas regiões.

Em 1934, o arquiteto austro-americano R. M. Schindler (não, não é o Schindler do filme) trouxe o estilo incorporado da Europa para os Estados Unidos com a construção de um chalé moderno no lago Arrowhead, na Califórnia.

A partir daí, seu trabalho e estilo foi ganhando notoriedade e o chalé acabou chamando a atenção de outros arquitetos renomados e também outros que simplesmente buscavam alternativas inteligentes para o setor de construção civil, principalmente para a indústria hoteleira dos Estados Unidos.

Nos anos 1950, os chalés de madeira começaram a ser construídos em grande volume para atender os hotéis nos Estados Unidos. Os atributos desse tipo de construção para o setor eram muito bons: estilo, conforto e facilidade e economia na construção.

Os arquitetos responsáveis por alavancar o uso dos chalés como residências de férias foram Walter Reemelin, John Campbell, George Rockrise, Henrik H Bull, e Andrew Geller. Mas o empuxo maior rumo à popularidade viria alguns anos mais tarde, com a ajuda da imprensa.

Em 1955, o arquiteto Andrew Geller construiu um chalé de madeira em uma praia de Long Island, em Nova York. A construção foi batizada de Elizabeth Reese House e ganhou atenção internacional quando foi capa do jornal The New York Times em 5 de Maio de 1957.

Depois dessa cobertura, os chalés de madeira ganharam popularidade internacional e começaram a ser adotados em todos os cantos do mundo (até mesmo igrejas, especialmente nos EUA, adotaram esse tipo de construção).

Chalé de madeira barato: por que custa menos?

Os chalés de madeira são especialmente baratos devido à sua simplicidade estrutural e também pelo material empregado em maior quantidade: a madeira. Sem a necessidade de ferramental complexo e processos demorados como cura e até mesmo a mixagem de diversos produtos, o chalé de madeira sai na frente quando o assunto é custo x benefício.

Esse tipo de construção também consegue ser mais barato que uma construção de alvenaria por conta do acabamento ser também mais simples. Sem a necessidade de reboco, massa, pintura, drywall, etc., a construção anda mais rápido e consome menos materiais.

Por ser feito de madeira, as peças do chalé de madeira podem ser cortadas previamente agilizando o trabalho e também gerando uma economia de recursos enorme. Além disso, o desperdício de materiais e geração de entulho é mínimo.

Atualmente, existem pelo menos 3 maneiras diferentes de se construir um chalé de madeira e seus custos aumentam gradativamente. São elas:

Chalé de Madeira DIY

O chalé de madeira “faça você mesmo” é disparado a opção mais barata para se construir um chalé. Existem projetos muito simples e que podem ser o empurrão inicial para quem ainda está começando e não quer embarcar de cara num projeto muito complexo.

Chalé de Madeira Pré-fabricado

Os chalés de madeira pré-fabricados, como vimos acima, são uma opção ainda bastante econômica principalmente para quem ainda não quer se arriscar num projeto solo. Basta escolher o modelo, aguardar a entrega e começar a montagem.

Outra facilidade são as opções de pagamento disponibilizadas nesse tipo de venda. Se você não tem todo o dinheiro de uma vez, então essa pode ser uma opção para ir pagando aos poucos e já poder desfrutar do seu chalé. Saiba mais.

Chalé de Madeira por construtora

Optar por construir um chalé de madeira com alguma construtora tem uma grande vantagem: é possível fazer a construção exatamente como você quer e participar de todas as etapas do projeto, da planta ao acabamento.

A desvantagem principal é o custo, que tende a ser bastante alto e eliminando o ganho em custo que os chalés de madeira possuem diante de construções de alvenaria por exemplo. Outro ponto negativo é a dificuldade em encontrar construtoras que oferecem esse tipo de produto em seu portfólio.

Principais modelos de chalé

Se você é entusiasta de chalés de madeira, deve saber que existem dezenas de modelos conhecidos e mais uma centena de modelos de chalé completamente novos que surgem a cada dia. No entanto, existem alguns modelos que são sempre mais procurados, seja pelo momento, seja por sua tradição e história.

Abaixo, listamos alguns dos principais modelos de chalé conhecidos e disponíveis no mercado. Também descrevemos algumas de suas principais características e o que faz esses chalés de madeira serem tão especiais.

Chalé suíço

O chalé suíço talvez seja o modelo mais conhecido. Seus traços característicos são o telhado geralmente mais inclinado que os demais chalés (para evitar o acúmulo excessivo de neve dos alpes suíços, daí o nome), portas e janelas comuns pintadas em cores que contrastam com a cor primária do chalé e um beiral na frente.

Chalé rústico

Os chalés rústicos são aqueles que utilizam materiais mais brutos em sua construção e acabamento, ou que pelo menos tentam simular esse tipo de material para dar um ar rústico.

São comuns nesse estilo de chalé construções com toras de madeira natural encontradas na própria região onde o chalé foi construído. Também é comum entre esses chalés o uso de pallets e materiais reaproveitados.

Chalé simples

Os chalés simples são aqueles pequenos e que geralmente são utilizados como tiny houses ou mesmo para acampamento e recreação, na maioria das vezes mini-chalés DIY construídos do zero.

Sua estrutura não é nada complexa e pode ser construído de diversos materiais, inclusive madeiras reaproveitadas. O que importa nesse modelo de chalé é a simplicidade da construção e de suas aplicações.

Chalé moderno

Sabe aqueles chalés lindos de morrer que a gente vê no Instagram e no Pinterest? Provavelmente são todos chalés modernos. Não se engane, chalé moderno não é apenas um nome para designar um chalé novo: existe todo um movimento voltado para esse tipo de construção, com livros incríveis inclusive.

Um chalé de madeira moderno basicamente é uma construção que emprega técnicas e estilos contemporâneos em seu projeto. Esses tipos de chalé não têm aquela cara de madeira antiga e robusta, mas sim um design clean e linhas retas proeminentes.

Chalé container

O chalé ou casa container, assim como muitas outras construções contemporâneas, utiliza os containers como parte de sua composição estrutural. Os containers são largamente empregados em construções atualmente por já possuírem integridade estrutural e serem relativamente baratos e fáceis de encontrar.

Quer conhecer mais sobre esses chalés? Nós temos um artigo inteiro sobre modelos de chalé que você pode conferir para conhecer e se inspirar ainda mais nas suas próximas construções.

Telhado do chalé: por que ele tem esse formato?

Os chalés têm o telhado “pontiagudo” por pelo menos dois grandes motivos principais: rigidez estrutural e escoamento de água e neve altamente eficiente.

Uma das formas estruturais mais resistentes é o triângulo e ter uma casa com uma estrutura nesse formato com certeza é uma vantagem. Os pontos de apoio e intertravamentos que esse tipo de estrutura utiliza promovem uma força estrutural muito grande, mesmo com uma construção simples.

Essa é uma das principais vantagens e um dos porquês desse formato. Como vimos no início deste artigo, esse tipo de construção começou a ser utilizado justamente por ser resistente e fácil de construir e isso se mantém até hoje.

A segunda razão é a capacidade de escoamento elevada do telhado do chalé. Com o telhado inclinado de maneira tão agressiva, tanto a água quanto a neve (como vimos no caso do chalé suíço) tem pouquíssimas chances de acumular e causar um estressamento da estrutura.

Se quiser se aprofundar ainda mais, temos um artigo inteiro dedicado ao telhado do chalé e suas estruturas.

Planta de chalé: como conseguir uma?

Ficou com muita vontade de construir um chalé? Pois é, nós sabemos bem como é isso. Um dos primeiros passos nesse processo é conseguir uma planta de chalé que atenda às suas necessidades, sejam elas simples ou até mesmo maiores e mais complexas.

Porém, se você busca mais plantas de chalé e projetos mais detalhados, também temos uma seção inteira em nosso site dedicada às planta de chalé disponível para download gratuito. Não deixe de conferir!

Transformando o sonho do chalé de madeira barato em realidade

Bom, independente do caminho que você escolheu para chegar até aqui (construindo tudo do zero ou optando pelos kits), agora parte de você colocar os passos em prática para tornar seu sonho do chalé de madeira em realidade.

Depois conte pra gente sobre seus projetos e suas dúvidas nos comentários. Ficaremos muito felizes em conhecer seu projeto de chalé de madeira e poder ajudar no que for preciso. Mãos à obra!

22 thoughts on “Chalé de madeira: barato para fazer você mesmo ou com kits prontos

  1. Não tenho noção de como construir, mas tenho um
    Sonho de ter um chalé de madeira, alguém sabe algum curso presencial?

    1. Olá, Leonora!

      Você pode conferir mais informações sobre os kits pré-fabricado e o que vem neles neste link

      Para o chalé DIY, não seria um kit, mas sim um material ensinando a construir passo-a-passo como este 🙂

  2. Muito prático a construção, mesmo em locais irregulares, tenho interesse de conhecer mais sobre a construção de Chalés.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *