como calcular inclincação telhado

Inclinação de telhado: como calcular em diferentes tipos e formatos

Você já parou para pensar na importância da inclinação de telhado em uma construção? Muitas pessoas deixam para pensar na cobertura residencial apenas durante as etapas finais do projeto ou até mesmo durante a obra, mas a verdade é que o telhado é um passo de extrema importância em qualquer construção.

E essa preocupação não deve ser apenas por motivos estéticos – apesar da cobertura ter sim um grande impacto no visual de uma edificação. O telhado faz parte da estrutura da obra, por isso ele deve ser projetado com todos os cuidados necessários para evitar problemas como o escoamento e a carga estrutural da construção.

Por isso, neste conteúdo, você entenderá a importância de planejar a cobertura desde o início da obra, quais fatores são importantes no cálculo da inclinação de telhado e quais cuidados precisam ser tomados na construção.

Continue a leitura para entender tudo sobre inclinação de telhado!

Por que projetar o telhado já no início da obra?

Durante a infância, quando precisávamos desenhar uma casa, a visão era quase sempre a mesma: uma porta, uma ou duas janelas, uma parede e um telhado. Passam-se alguns anos e você finalmente realizará o sonho de construir a casa dos seus sonhos.

Você imagina o tamanho dos quartos, os eletrodomésticos que estarão na cozinha e as plantas que colorirão o jardim – mas dessa vez, o telhado não aparece no planejamento.

“Ah, essa é a parte mais fácil da obra. Depois me preocupo com o telhado.”

Esse pensamento não só é errado, como pode acabar custando caro. Afinal, existem normas técnicas no projeto, como o dimensionamento correto da estrutura, que são necessárias para garantir a segurança de todos os moradores.

Além disso, a casa dos seus sonhos pode precisar de um tipo de telhado diferente do imaginado caso ele não seja planejado logo no início da obra.

Desde um telhado embutido e um telhado colonial até um telhado de chalé ou um telhado borboleta, cada construção possui suas particularidades que devem ser tratadas desde o começo da obra, como o tipo de telha e o orçamento disponível.

Por isso, avalie com cuidado todas as opções e não deixe de investir em um profissional de confiança para auxiliar nessa importante escolha.

Leia também: Telhado do chalé: principais características e funcionalidades

Qual a importância de calcular a inclinação do telhado?

Ok, já deu para entender que o telhado precisa ser uma preocupação desde o início da obra. Mas e a inclinação do telhado, porque esse ponto é tão importante?

De maneira simplificada, podemos afirmar que a inclinação de telhado é responsável pelo escoamento da água da chuva. Quando a inclinação está correta, toda a água escorre do telhado e a edificação fica protegida. Mas quando isso não acontece, começam a acontecer problemas como:

  • Infiltrações, goteiras e mofo;
  • Curto-circuitos;
  • Focos de dengue;
  • Falta de conforto térmico;
  • Quebra de vigas, caibros e ripas;
  • Envergamento, com a chance de causar acidentes durante tempestades e ventos fortes.

Todos esses problemas não só podem causar dor de cabeça aos moradores, como podem colocar a saúde deles em risco. Doenças alérgicas e respiratórias, por exemplo, podem surgir com a falta de escoamento das águas da chuva.

Como calcular a inclinação do telhado: passo-a-passo

Agora que toda a parte teórica está explicada, vamos para a parte prática deste conteúdo! Calcular a inclinação de um telhado é mais simples do que você imagina. Quer ver só?

1º passo: utilize a inclinação recomendada para o tipo de telha

Para calcular a inclinação de telhado necessária para garantir a segurança da obra, é imprescindível compreender que cada tipo de telhado e de telha precisa de inclinações diferentes. 

Por isso, o primeiro passo para calcular a inclinação é buscar com o fabricante as informações sobre porcentagens de inclinação. Veja a tabela de inclinação recomendada para os principais tipos de telha:

TIPOS DE TELHAELEVAÇÃO POR METRO
TELHA COLONIAL25 CM (25%)
TELHA FRANCESA35 CM (35%)
TELHA PORTUGUESA30 CM (30%)
TELHA ROMANA30 CM (30%)
TELHA DE FIBROCIMENTO10 CM (10%)
TELHA METÁLICA15 CM (15%)
TELHA DE CIMENTO10 CM (10%)
TELHA DE ZINCO15 CM (15%)
TELHA DE VIDROENTRE 25 CM (25%) E 35 CM (35%)
TELHA PLÁSTICA ONDULADA15 CM (15%
TELHADO DE LAJE1 CM (1%)

Caso essa informação esteja indisponível, é possível utilizar como média uma inclinação de 30% para as telhas cerâmicas e 10% para as telhas de fibrocimento. Isso acontece porque quanto maior for a telha, menor será a inclinação do telhado.

2º passo: encontre as medidas do telhado

O próximo passo é descobrir todas as medidas do telhado, para que todos os cálculos tenham as informações corretas e erros sejam evitados. Fazer as contas no “olhômetro” pode parecer mais prático, mas uma informação errada pode causar um erro que prejudicará todo o projeto.

3º passo: calcule inclinação do telhado

Com todos os dados em mãos, o terceiro e último passo é a conta da inclinação do telhado. Vamos imaginar dois cenários diferentes para nos certificarmos que você compreendeu o cálculo.

No primeiro cenário, o cálculo será de um telhado de cerâmica, cuja inclinação é de 30%. Em um telhado de 2 metros (200 centímetros), o cálculo será:

30% / 200 = 60

calculo inclinação telhado altura 1

Ou seja, a cada 200 centímetros na horizontal, o telhado deverá subir 60 centímetros na vertical.

Já em um cenário onde uma edificação de 3 metros (300 centímetros) usará telhado de fibrocimento, cuja inclinação é de 10%, a conta é de:

10% / 300 = 30

calculo inclinação telhado altura 2

Ou seja, a cada 300 centímetros na horizontal, a altura do telhado deve ser de 30 centímetros.

Como calcular a inclinação de um telhado que já está pronto?

Está desconfiado que a inclinação do seu telhado está errada? Finalmente começará a reforma do seu lar e quer saber a inclinação do seu telhado para escolher uma nova telha? 

Não se preocupe, esse cálculo também é simples. Nesse caso, basta dividir a altura do telhado por seu comprimento. Em uma casa cuja altura é de 90 centímetros e o comprimento é de 3 metros (300 centímetros), a inclinação será:

90 / 300 = 0,3

calculo inclinação telhado inclinação

Ou seja, a inclinação é de 30%. Então, nesse caso, a melhor opção para a obra são as telhas de cerâmica.

Pontos de atenção ao calcular a inclinação do telhado

Apesar de calcular a inclinação ser uma tarefa relativamente comum em meio aos carpinteiros, marceneiros e construtores em geral responsáveis por esta etapa, existem alguns pontos de atenção ao efetuar os cálculos:

Unidades de medida

Durante um cálculo, é importante ter muita atenção na unidade de medida utilizada, seja ela em metros, centímetros ou milímetros. Por isso, se certifique de sempre usar a mesma medida em todas as contas para evitar erros.

Não se esqueça que:

1 metro = 100 centímetros = 1000 milímetros.

Cumeeira

Quando duas telhas se encontram, elas não se encaixam perfeitamente. Por isso, é necessário instalar uma cumeeira para preencher os vãos e evitar a entrada das águas da chuva.

Localizada na parte mais alta do telhado, ela fica posicionada no ponto de encontro das superfícies inclinadas. Ou seja, o formato da cumeeira segue o formato do telhado, sua inclinação e o número de telhas cujo qual ele é composto.

Caixa d’água

Outro ponto de atenção durante o cálculo de inclinação de telhado é a localização da caixa d’água. Por estar geralmente localizada na parte mais alta da estrutura, onde se encontra a cumeeira, é importante levar a altura da caixa d’água em consideração para saber a inclinação ideal para o telhado (além de certificar-se de que há espaço para manutenções e limpeza da caixa d’água).

Caso o telhado tenha uma inclinação menor que a recomendada, ele pode sofrer problemas estruturais por sobrecarregar as ripas e causar possíveis infiltrações devido à falta de escoamento adequado.

Ajuda de profissionais

Em qualquer grande projeto, é importante garantir a contratação de profissionais conceituados para realizar cálculos como a de inclinação de telhado, assim como instaladores com experiência na área. 

Esse investimento pode ser alto, mas é o que garantirá que sua obra seja de qualidade e segura para todos os moradores.

Margem de erro

Em quase todo projeto haverá uma margem de erro, necessária para ter um pouco mais de flexibilidade na construção. Entretanto, é importante reduzir ao máximo essa margem para evitar prejuízos futuros.

Sempre que possível, use as medidas mais próximas possíveis do planejado para garantir a segurança de todos os funcionários da obra e moradores do lar.

Quanto custam os principais tipos de telhados?

Além do cálculo da inclinação do telhado, também convém calcular o custo total de um projeto de instalação da cobertura no imóvel. Isso ajudará a decidir não somente o tipo e a qualidade do acabamento que o telhado receberá, mas também pode impactar no tipo de telhado escolhido por conta de fatores como peso e carga.

Custo médio do telhado colonial

Esse tipo de telhado costuma utilizar as telhas de cerâmica comum, que oferecem um maior conforto térmico. Entretanto, como esse material possui um peso elevado, que pede uma melhor estrutura, outras opções são as telhas portuguesas e de PVC. 

Já o custo médio dessa opção de cobertura oscilará de acordo com a quantidade de águas escolhida:

  • Uma água: R$120 por m²;
  • Duas águas: R$145 por m²;
  • Três águas: R$177 por m²;
  • Quatro águas: R$250 por m².

Custo médio do telhado sobreposto

O telhado sobreposto, que oferece mais elegância e destaque à edificação, costuma ser montado com telhas térmicas (sanduíche) ou telhas metálicas

Leves e com uma montagem simples, eles possibilitam a instalação de uma cobertura de qualidade apenas com parafusos. Ademais, elas oferecem maior conforto termoacústico e menos desperdício, já que a quantidade de telhas utilizadas pode ser calculada antes da compra com facilidade.

Outras opções para o telhado sobreposto são as telhas PVC ou fibra de vidro. Já o custo médio desse tipo de telhado é de R$500 por m².

Custo médio do telhado em “L”

Nesse tipo de telhado costumam ser aplicadas telhas mais lineares e leves, como as telhas cerâmicas, telhas térmicas, telhas de fibrocimento e telhas ecológicas.

Vale destacar as telhas de fibrocimento nessa opção de cobertura, que também são fáceis de instalar e oferecem um preço acessível para os orçamentos mais apertados. Entretanto, muitas pessoas podem se desanimar com as opções de design disponíveis no mercado.

Já seu valor costuma ser por volta de R$125 por m².

Telhado borboleta

O telhado borboleta não é tão conhecido, mas chama a atenção de qualquer pessoa. Um ponto positivo dessa cobertura é que ela pode ser montada com vários tipos de telhas, como as térmicas, metálicas, de PVC, cerâmicas, cimento, ecológicas e de fibra.

seu custo, de R$ 350 por m², é um pouco mais alto já que ele precisa ter uma estrutura de calha central robusta para evitar problemas de infiltrações.

Como escolher o melhor telhado para a minha casa?

Para que sua casa tenha mais segurança, conforto e elegância, existem 4 pontos de atenção na escolha da cobertura, que listamos logo abaixo. São eles:

Design da construção

Esse é um dos pontos mais importantes para o seu projeto, pois ele terá um grande impacto na sua construção. Atualmente, existe uma infinidade de modelos disponíveis que podem transformar o seu lar em uma construção clássica, moderna ou clean. 

Benefícios adicionais

Você mora em uma cidade muito quente? Que chove muito? Que venta muito?

O telhado protege a nossa casa, mas ele também pode oferecer outros benefícios às construções, como maior conforto térmico. Existem telhas que podem alterar em até 8ºC a temperatura interna de uma edificação, que também ajudará a reduzir os gastos em climatização.

Já o telhado verde, uma tendência que está em alta, torna o ambiente muito mais ecológico, ajudando a compensar o espaço do imóvel com plantas no telhado, que poderão atrair a fauna natural de volta a ambientes predominantemente urbanos.

Valores da construção

Você já ouviu o ditado “o barato sai caro”? Pois nos canteiros de obras, esse ditado se tornou uma máxima.

Entre um tipo de telhado que tenha lhe encantado mas precisaria de alguma “gambiarra” para caber no seu orçamento, e um telhado mais simples que oferece a segurança que a obra merece, sempre opte pela segunda opção.

Um telhado mais bonito e mal executado pode alegrar quando a construção estiver pronta, mas pode causar várias dores de cabeça e gastos adicionais nos próximos anos.

Manutenção da cobertura

Vamos seguir olhando para o pós-obra, que muitas vezes é deixado de lado no planejamento.

Toda cobertura precisa de cuidados periódicos, especialmente antes da primavera e do verão, dois períodos de alta pluviosidade. 

Por isso, não deixe de considerar a durabilidade do telhado – que diminuirá a necessidade de trocas de telhas, por exemplo – e os gastos adicionais todas as vezes em que uma manutenção for necessária.

Agora você sabe tudo sobre inclinação de telhado

Esperamos que você tenha compreendido tudo sobre o cálculo de inclinação de telhado com o nosso artigo e se sinta mais confiante para essa importante etapa da construção do seu lar. 

Ficou com alguma dúvida sobre o assunto? Deixe nos comentários para podermos lhe ajudar!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *