O vidro é um dos materiais mais versáteis e essenciais na construção civil e na arquitetura moderna. Sua transparência, durabilidade e capacidade de desempenhar funções específicas tornam os diferentes tipos de vidro uma escolha popular em uma variedade de aplicações.

Neste guia completo, conheceremos os principais tipos de vidro, suas características distintas, preços, vantagens e desvantagens. Também abordaremos como alguns tipos de vidro podem ajudar no isolamento térmico e até economia de energia. Confira!

11 principais tipos de vidro e suas características

No mundo da construção civil e da arquitetura, a escolha do tipo de vidro desempenha um papel crucial na estética, segurança e eficiência energética de um edifício. Existem inúmeros tipos de vidro disponíveis no geral.

Na construção, existem 11 tipos mais comuns, cada um com características únicas que atendem a diferentes necessidades e estilos.

A seguir, vamos entender melhor os principais tipos de vidro, destacando suas características, usos na construção civil, vantagens e desvantagens. Confira nossa análise sobre cada tipo de vidro:

1. Vidro Comum (FLOAT)

1. Vidro Comum (FLOAT)

O vidro comum, também conhecido como vidro FLOAT, é o tipo mais básico de vidro e é amplamente utilizado em janelas e portas.

O vidro float é produzido utilizando uma técnica na qual uma porção específica do vidro fundido é cuidadosamente colocada sobre uma superfície de estanho derretido, originando o termo “float,” que se refere ao processo de flutuação.

Principais características do vidro comum (float)

  • Transparente;
  • Não possui tratamentos especiais;
  • Frágil e quebra em grandes fragmentos pontiagudos.

Usos do vidro comum na construção civil

  • Janelas residenciais;
  • Portas de vidro;
  • Espelhos simples.
Vantagens dos vidros comuns
  • Baixo custo
  • Transparência
Desvantagens dos vidros comuns
  • Fragilidade
  • Não oferece isolamento térmico ou acústico significativo

2. Vidro Temperado

2. Vidro Temperado

O vidro temperado é um tipo de vidro que passa por um processo de tratamento térmico chamado têmpera. Esse processo envolve o aquecimento do vidro a altas temperaturas, seguido por um resfriamento rápido e controlado. Isso cria uma compressão nas camadas externas do vidro, tornando-o consideravelmente mais resistente a impactos e choques térmicos do que o vidro comum.

A principal característica do vidro temperado é a sua capacidade de quebrar em pequenos fragmentos não pontiagudos, em vez de estilhaçar em pedaços grandes e afiados, como o vidro comum. Essa fragmentação em pedaços pequenos é uma medida de segurança, reduzindo o risco de ferimentos graves em caso de quebra.

Devido à sua resistência, o vidro temperado é amplamente utilizado em aplicações onde a segurança é uma prioridade, como em portas de chuveiro, janelas de automóveis, fachadas de edifícios, mesas de vidro e telas de dispositivos eletrônicos.

O vidro temperado também é conhecido por sua resistência a mudanças bruscas de temperatura, tornando-o adequado para áreas onde variações de calor são comuns.

Principais características do vidro temperado

  • Maior resistência ao impacto;
  • Quando quebrado, forma pequenos fragmentos não pontiagudos;
  • Transparência.

Usos do vidro temperado na construção civil

  • Portas de chuveiro;
  • Fachadas de prédios;
  • Tampos de mesa;
  • Janelas de veículos.
Vantagens dos vidros temperados
  • Maior resistência
  • Segurança (fragmentação em pequenos pedaços)
Desvantagens dos vidros temperados
  • Não pode ser cortado ou perfurado após o processo de têmpera
  • Mais caro que o vidro comum

3. Vidro Laminado

3. Vidro Laminado

O vidro laminado é um tipo especial de vidro composto por duas ou mais camadas de vidro unidas por uma ou várias camadas de material plástico, geralmente polivinil butiral (PVB) ou resina. O processo de fabricação envolve a pressão e o calor, que unem essas camadas de forma a criar um único material sólido.

A principal característica do vidro laminado é a sua capacidade de manter-se unido quando quebrado. Em vez de se estilhaçar em pedaços afiados, como o vidro comum, o vidro laminado permanece preso à camada intermediária de plástico, formando uma teia de fragmentos. Isso oferece um alto nível de segurança, uma vez que reduz significativamente o risco de ferimentos causados por estilhaços de vidro em caso de quebra.

Devido a essa característica de segurança, o vidro laminado é amplamente utilizado em aplicações onde a integridade estrutural e a proteção contra ferimentos são fundamentais, como janelas de segurança, fachadas de prédios, vitrais, guarda-corpos de escadas e para-brisas de automóveis.

O vidro laminado também pode ser personalizado com películas intercaladas para bloquear a radiação ultravioleta (UV) e controlar a temperatura e a luminosidade em ambientes internos.

Principais características do vidro laminado

  • Resistente a quebras;
  • Mantém-se unido quando quebrado;
  • Pode ser transparente ou incluir filmes intercalados para bloquear UV e calor.

Usos do vidro laminado na construção civil

  • Janelas de segurança;
  • Guarda-corpos de escadas;
  • Fachadas de edifícios;
  • Vitrais.
Vantagens dos vidros laminados
  • Maior segurança
  • Redução de ruído
  • Controle UV
Desvantagens dos vidros laminados
  • Mais pesado que o vidro comum
  • Maior custo

4. Vidro Laminado e Temperado

4. Vidro Laminado e Temperado

O vidro laminado e temperado é um tipo especial de vidro que combina as características de dois processos de tratamento: a laminação e a tempera.

Vidro laminado: nesse processo, duas ou mais camadas de vidro são unidas por uma ou várias camadas de material plástico, geralmente polivinil butiral (PVB) ou resina. O objetivo é criar um material sólido que, quando quebrado, permaneça unido à camada intermediária de plástico, formando uma teia de fragmentos. Essa característica torna o vidro laminado altamente seguro, reduzindo o risco de ferimentos em caso de quebra.

Vidro temperado: o vidro temperado, por sua vez, passa por um processo de aquecimento controlado, seguido por um resfriamento rápido e controlado. Isso cria uma compressão nas camadas externas do vidro, tornando-o consideravelmente mais resistente a impactos e choques térmicos do que o vidro comum. Quando quebrado, o vidro temperado se fragmenta em pequenos pedaços não pontiagudos, aumentando ainda mais a segurança.

Assim, o vidro laminado e temperado combina as características de resistência do vidro temperado com a segurança do vidro laminado. Isso o torna uma escolha ideal para aplicações onde a integridade estrutural e a proteção contra ferimentos são fundamentais.

Principais características do vidro laminado e temperado

  • Resistente a quebras;
  • Forma pequenos fragmentos não pontiagudos quando quebrado;
  • Mantém-se unido quando quebrado.

Usos do vidro laminado e temperado na construção civil

  • Paredes de vidro;
  • Janelas de segurança;
  • Coberturas de vidro.
Vantagens dos vidros
laminados e temperados
  • Segurança máxima
  • Resistência a impactos
Desvantagens dos vidros laminados e temperados
  • Custo mais elevado
  • Peso

5. Vidro Blindado (Blindex)

5. Vidro Blindado (Blindex)

O termo “vidro blindado” é frequentemente usado para se referir a um tipo de vidro de segurança chamado “vidro de segurança temperado laminado”. Este tipo de vidro é conhecido pela marca registrada Blindex®, mas também é produzido por outras empresas sob diferentes nomes.

O vidro blindado (Blindex) é uma combinação de vidro temperado e vidro laminado. Primeiro, o vidro temperado passa por um processo de têmpera, que envolve aquecimento controlado e resfriamento rápido para aumentar sua resistência a impactos.

Em seguida, o vidro temperado é laminado, ou seja, unido a uma ou várias camadas de material plástico, geralmente polivinil butiral (PVB) ou resina, para criar um conjunto sólido.

Principais características do vidro blindado

  • Múltiplas camadas de vidro e materiais plásticos;
  • Extremamente resistente a impactos;
  • Pode ser transparente ou opaco.

Usos do vidro blindado na construção civil

  • Bancos;
  • Embaixadas;
  • Residências de alta segurança.
Vantagens dos vidros blindados
  • Segurança máxima contra impactos
  • Resistência a balas
Desvantagens dos vidros blindados
  • Custo muito alto
  • Peso substancial

6. Vidro Colorido

6. Vidro Colorido

O vidro colorido é uma categoria especial de vidro que recebe pigmentos ou corantes durante sua fabricação, proporcionando uma vasta gama de cores para escolher. Essa versatilidade permite que designers e arquitetos selecionem a coloração que melhor se ajusta ao estilo e às exigências de um projeto específico.

O vidro colorido pode variar de tons suaves e translúcidos a cores vibrantes e opacas, atendendo às preferências estéticas e às necessidades de privacidade. Sua capacidade de personalização o torna uma escolha popular para elementos decorativos, como vitrais, painéis de parede, portas de chuveiro, mobiliário e outros elementos que visam adicionar estilo e cor a um ambiente.

O vidro colorido desempenha um papel fundamental no mundo do design de interiores, arquitetura e decoração, oferecendo possibilidades criativas para transformar espaços em ambientes únicos e atraentes.

Principais características do vidro colorido

  • Disponível em uma variedade de cores;
  • Permite a passagem de luz colorida;
  • Pode ser opaco ou translúcido.

Usos do vidro colorido na construção civil

  • Vitrais de igrejas;
  • Painéis decorativos;
  • Elementos de design em fachadas.
Vantagens dos vidros coloridos
  • Estética única
  • Personalização
Desvantagens dos vidros coloridos
  • Limitações de transparência
  • Custo variável dependendo da cor

7. Vidro Reflecta (vidro reflexivo)

7. Vidro Reflecta (vidro reflexivo)

O vidro reflecta é um tipo especial de vidro com uma camada metálica ou revestimento reflexivo em uma de suas superfícies. Esse revestimento metálico tem a capacidade de refletir parte da luz incidente, o que o torna opaco ou semiopaco quando visto de fora, mantendo a visibilidade de dentro para fora.

Esse vidro é escolhido em projetos de arquitetura contemporânea devido à sua estética moderna e sofisticada, além de sua capacidade de controlar a temperatura interna, minimizar o brilho excessivo e proporcionar privacidade durante o dia.

O vidro Reflecta é utilizado em edifícios comerciais, fachadas de arranha-céus, hospitais e outros espaços onde o controle de luz e calor é essencial, contribuindo para a economia de energia e proporcionando uma aparência elegante e funcional.

Principais características do vidro reflecta

  • Reflete a luz solar;
  • Reduz o aquecimento interno;
  • Pode ser translúcido ou opaco.

Usos do vidro reflexivo na construção civil

  • Edifícios comerciais;
  • Fachadas de arranha-céus;
  • Redução da carga térmica.
Vantagens dos vidros reflecta
  • Economia de energia
  • Conforto térmico
  • Estética moderna
Desvantagens dos vidros reflecta
  • Menos luz natural no interior
  • Maior custo

8. Vidro Extraclaro

8. Vidro Extraclaro

O vidro extraclaro, também chamado de vidro de baixo teor de ferro, é uma variedade de vidro conhecida por sua notável transparência. Distingue-se por sua ausência de coloração indesejada, o que é comum em outros tipos de vidro devido à presença de óxidos metálicos, como o óxido de ferro.

Essa alta transparência proporciona uma transmissão de luz mais eficaz e cores mais precisas, tornando-o a escolha preferida em aplicações onde a reprodução de cores fiéis e a clareza visual são cruciais, como em vitrais, exposições de arte, janelas panorâmicas e em instrumentos ópticos, devido à sua capacidade de minimizar distorções ópticas.

O vidro extraclaro é uma opção estética de alta qualidade, valorizada por sua excepcional transparência e capacidade de oferecer cores autênticas em diversas aplicações.

Principais características do vidro extraclaro

  • Alta transparência;
  • Cores mais puras;
  • Menos distorção ótica.

Usos do vidro extraclaro na construção civil

  • Janelas com visão panorâmica;
  • Exposições de arte;
  • Projetos de alta qualidade visual.
Vantagens dos vidros extraclaros
  • Transparência máxima
  • Cores verdadeiras
Desvantagens dos vidros extraclaros
  • Custo mais elevado
  • Pode ser mais frágil

9. Vidro Insulado

9. Vidro Insulado

O vidro insulado é uma variante especial de vidro utilizado na construção civil para melhorar o isolamento térmico e acústico dos edifícios. Ele é composto por duas ou mais camadas de vidro separadas por uma câmara de ar desidratada ou gás, geralmente argônio ou criptônio, que atua como isolante. Essa estrutura multicamadas ajuda a retardar a transferência de calor entre o interior e o exterior do edifício, mantendo uma temperatura mais estável no ambiente interno.

Este tipo de vidro é eficaz na redução da perda de calor durante o inverno e na minimização do ganho de calor no verão, o que contribui para economia de energia e conforto térmico. Além disso, sua estrutura multicamadas também oferece benefícios acústicos, reduzindo a transmissão de ruídos externos para o interior do edifício.

Esse vidro é amplamente utilizado em janelas, portas de vidro, fachadas de edifícios e em qualquer aplicação onde o isolamento térmico e acústico seja importante. Sua capacidade de melhorar o conforto interior e reduzir os custos de aquecimento e resfriamento tornou-o uma escolha comum em projetos de construção sustentável e eficiência energética.

Principais características do vidro insulado

  • Isolamento térmico e acústico;
  • Redução de condensação;
  • Pode ser transparente ou com revestimento.

Usos do vidro insulado na construção civil

  • Janelas de eficiência energética;
  • Edifícios comerciais;
  • Locais com variações de temperatura.
Vantagens dos vidros insulados
  • Economia de energia
  • Conforto térmico e acústico
Desvantagens dos vidros insulados
  • Custo mais elevado
  • Peso

10. Vidro Pintado

10. Vidro Pintado

O vidro pintado é um tipo de vidro especial que passa por um processo de revestimento com uma tinta cerâmica que é posteriormente cozida a altas temperaturas, incorporando-a permanentemente à superfície do vidro. Esse revestimento cria uma variedade de opções de cores e acabamentos duráveis e resistentes a arranhões.

O vidro pintado é usado principalmente em aplicações de design de interiores e arquitetura, onde se deseja adicionar cores personalizadas e estética ao vidro. Ele é frequentemente empregado em divisórias de ambientes, revestimentos de parede, móveis e elementos decorativos. Sua capacidade de personalização em termos de cores permite que designers e arquitetos incorporem elementos visuais únicos e coordenados em seus projetos.

Além da estética, o vidro pintado também oferece durabilidade e resistência, tornando-o uma escolha prática para aplicações em ambientes internos sujeitos a uso constante. Sua superfície é relativamente fácil de limpar, o que o torna adequado para espaços onde a higiene e a manutenção são importantes, como cozinhas e banheiros.

Principais características do vidro pintado

  • Cores personalizáveis;
  • Superfície resistente a arranhões;
  • Pode ser translúcido ou opaco.

Usos do vidro pintado na construção civil

  • Divisórias de ambientes;
  • Revestimentos de parede;
  • Mobiliário.
Vantagens dos vidros pintados
  • Variedade de cores
  • Durabilidade
Desvantagens dos vidros pintados
  • Limitações de design
  • Pode ser mais caro

11. Vidro Acidado

11. Vidro Acidado

O vidro acidado é um tipo de vidro que passa por um processo de tratamento químico controlado para criar uma superfície fosca ou translúcida. Esse processo envolve o uso de ácidos ou substâncias químicas para corroer a superfície do vidro, tornando-a opaca e criando uma textura que permite a passagem de luz de forma difusa.

O vidro acidado é frequentemente escolhido quando se deseja obter privacidade visual em um ambiente, uma vez que torna difícil a visualização de detalhes através dele. Ele é usado em portas de banheiro, divisórias de ambientes, janelas e elementos decorativos. Sua textura fosca cria uma estética elegante e sutil, adicionando um toque de design a espaços internos.

Uma característica atraente do vidro acidado é sua capacidade de personalização. Pode ser produzido com padrões específicos ou áreas translúcidas para criar efeitos visuais exclusivos. É importante lembrar que o vidro acidado requer cuidados especiais durante a limpeza, pois produtos abrasivos podem danificar a superfície fosca.

Principais características do vidro acidado

  • Superfície fosca;
  • Privacidade visual;
  • Pode ser personalizado com padrões.

Usos do vidro acidado na construção civil

  • Portas de banheiro;
  • Divisórias de ambientes;
  • Elementos decorativos.
Vantagens dos vidros acidados
  • Privacidade
  • Estética elegante
Desvantagens dos vidros acidados
  • Menos transparência
  • Requer limpeza especializada

Preço médio dos principais tipos de vidro

O preço médio dos diferentes tipos de vidro pode variar significativamente de acordo com vários fatores, como o tipo específico de vidro, a espessura, as dimensões, o acabamento, a marca e a região geográfica.

Tipos de VidroPreço (m²)
Preço do vidro comum (FLOAT)R$ 270,00
Preço do vidro temperadoR$ 437,50
Preço do vidro laminadoR$ 972,22
Preço do vidro laminado e temperadoR$ 1.575,00
Preço do vidro Blindex (blindado)R$ 475,00
Preço do vidro coloridoR$ 218,75
Preço do vidro reflecta (reflexivo)R$ 650,00
Preço do vidro extraclaroR$ 291,67
Preço do vidro insuladoR$ 367,65
Preço do vidro pintadoR$ 288,75
Preço do vidro acidadoR$ 715,00
Tabela de preços atualizada em 22/05/2024.

A tabela acima fornece uma estimativa geral dos preços médios por metro quadrado para alguns dos tipos de vidro mencionados anteriormente.

Economizando energia com o tipo de vidro certo

A escolha do tipo de vidro na arquitetura pode ter um impacto significativo no desempenho e na estética de um edifício. Alguns aspectos a serem considerados incluem:

  • Isolamento térmico: vidro insulado e vidro reflexivo são excelentes opções para reduzir o calor interno, economizando energia no resfriamento e aquecimento do ambiente;
  • Aproveitamento de luz solar: vidro extraclaro e vidro laminado podem maximizar a entrada de luz natural, criando espaços mais iluminados e agradáveis;
  • Economia de energia: vidro laminado, vidro insulado e vidro reflexivo podem contribuir para a redução dos custos de energia em edifícios comerciais e residenciais.

Cuidados e manutenção dos vários tipos de vidros

Cuidados e manutenção dos vários tipos de vidros
Limpeza suave com produtos adequados e verificação regular de selantes e juntas garantem a durabilidade dos diferentes tipos de vidros.

Cuidar e manter os diferentes tipos de vidros adequadamente é essencial para preservar sua aparência, durabilidade e desempenho ao longo do tempo. Abaixo estão algumas dicas importantes sobre os cuidados e a manutenção de vidros:

Limpeza regular
  1. Use água morna e um detergente suave ou sabão neutro para limpar vidros. Evite produtos abrasivos que possam riscar a superfície;
  2. Aplique a solução de limpeza com um pano macio, esponja ou rodo com lâmina de borracha. Evite usar materiais ásperos, como palha de aço;
  3. Enxágue bem com água limpa para remover qualquer resíduo de sabão ou detergente;
  4. Seque o vidro com um pano que não solte fiapos ou use um rodo de qualidade para evitar marcas de água.
Limpeza de vidros especiais
  1. Para vidros com revestimentos especiais, como vidros reflexivos ou vidros revestidos com filmes, siga as instruções do fabricante para evitar danos.
  2. Alguns vidros anti-reflexo ou com tratamentos de baixa manutenção podem exigir produtos de limpeza específicos. Consulte as orientações do fabricante para obter informações precisas.

A manutenção e a proteção adequadas dos vidros desempenham um papel fundamental na preservação de sua estética, funcionalidade e segurança ao longo do tempo.

Além de garantir que os vidros permaneçam limpos e livres de arranhões, a manutenção regular, como a verificação de selantes e juntas, ajuda a prevenir infiltrações de água e ar, evitando danos à estrutura e a redução do desempenho térmico.

Manutenção regular
  1. Verifique regularmente a integridade dos selantes e das juntas em torno dos vidros, especialmente em janelas e portas. Substitua quaisquer selantes desgastados ou danificados para evitar infiltrações de água e ar.
  2. Inspeccione os vidros temperados e laminados quanto a danos ou rachaduras. Se qualquer vidro estiver danificado, é importante substituí-lo o mais rápido possível por questões de segurança.
Proteção contra riscos
  1. Evite o contato direto com objetos duros ou afiados que possam arranhar a superfície do vidro.
  2. Use almofadas de proteção ou feltro nos pés de móveis que possam entrar em contato com vidros, como mesas e cadeiras.

Como escolher os tipos de vidro certos para sua casa

Como escolher os tipos de vidro certos para sua casa
Considere função, estilo, eficiência energética e orçamento para escolher os tipos de vidros adequados, consultando profissionais quando necessário.

A escolha do tipo de vidro adequado para cada projeto de construção é um processo complexo que deve levar em consideração diversos fatores, como a finalidade da aplicação, o estilo e a estética desejados, a eficiência energética, a acústica, o orçamento disponível e as condições climáticas locais.

Também é importante observar as normas técnicas, como a NBR 7199 da ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas), que regula as especificações e os requisitos para os vidros utilizados na construção civil.

Essa norma estabelece diretrizes importantes relacionadas à segurança, resistência a impactos e aspectos técnicos dos vidros utilizados em edificações, proporcionando um guia valioso para a seleção do vidro mais adequado a cada projeto.

Colaborar com profissionais experientes, como arquitetos e designers, é crucial para garantir que a escolha do vidro seja feita de forma precisa e atenda às necessidades específicas de cada empreendimento.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *